Topo
pesquisar

Criação de videoaula como forma de avaliação

Estratégias de Ensino

A criação de uma videoaula como forma de avaliação poderá estimular os alunos a ampliarem seu conhecimento sobre o conteúdo, além de exercitarem a criatividade.
PUBLICIDADE

A educação está passando por profundas transformações e cabe a nós, professores, estar informados a respeito dessas mudanças. As novas tecnologias, por exemplo, são uma realidade e devemos aproveitá-las em nosso favor.

É cada vez mais comum que os alunos façam uso da internet para tirar dúvidas sobre algum conteúdo. Assim sendo, a sugestão de aula aqui apresentada é a produção de uma videoaula de biologia pelos alunos como forma de substituir os tradicionais seminários.

Para essa aula, você precisará de:

→ Equipamentos para gravação: Sugere-se a utilização de equipamentos simples, como um telefone celular;

→ Roteiro;

→ Um local para filmagem equipado com data-show, laboratório ou ambiente externo, como o jardim de uma casa.

É importante que primeiramente o professor estipule um tema para cada aluno ou grupo de alunos. Após esse momento, é fundamental que seja oferecido um tempo para pesquisa e levantamento de dados. Após avaliar o conteúdo pesquisado, o professor deverá deixar a criatividade do aluno fluir para que ele monte sua própria aula.

Algumas dicas para a produção da gravação devem ser dadas aos alunos, tais como utilizar roupas adequadas, estudar bem o conteúdo antes de realizar a gravação, montar um roteiro e ficar atento aos barulhos próximos ao local de filmagem. Vale destacar, no entanto, que os alunos não são profissionais e, portanto, cometerão vários erros.

Suponhamos, por exemplo, que a aula a ser montada seja de anatomia. O aluno poderá levar peças anatômicas para o laboratório e explicar com detalhes as estruturas. Em uma aula de Botânica, o aluno pode, por exemplo, fazer uma filmagem explicando as plantas de seu jardim. A criatividade determinará como será produzido o vídeo.

Após a criação dos vídeos, o professor deverá montar uma sessão para que todos possam assistir às aulas criadas. É importante que nesse momento não sejam feitos comentários depreciativos sobre os vídeos, pois isso poderá desestimular o aluno.

Com essa aula, espera-se que os alunos aprofundem seu conhecimento sobre o tema pesquisado e exercitem sua criatividade. Além disso, a mudança na estrutura do trabalho faz com que eles se sintam mais estimulados, aumentando, assim, a participação.

Boa aula!


Por Ma. Vanessa dos Santos

PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola