Topo
pesquisar

Documentário “Meninas” para abordar gravidez na adolescência

Estratégias de Ensino

O uso do documentário “Meninas” para abordar gravidez na adolescência pode ajudar os alunos a compreenderem a difícil tarefa de ser mãe tão jovem.
PUBLICIDADE

A temática da sexualidade está inserida no currículo escolar e representa, muitas vezes, um desafio para os professores, que devem abordar o tema com naturalidade e livre de preconceitos. Dentro do tema sexualidade, um ponto merece destaque: a gravidez na adolescência.

Apesar de dados do IBGE indicarem que o número de adolescentes grávidas no Brasil está caindo, o índice ainda é alto e merece atenção. Diante dos impactos negativos de uma gestação mal planejada, é fundamental que professores conscientizem os alunos da responsabilidade da maternidade na adolescência, que, muitas vezes, adia sonhos e provoca graves problemas emocionais.

Muitas vezes, dizer o quanto a gravidez na adolescência traz implicações negativas aos diversos campos da vida de um casal não é suficiente. Uma boa maneira de levar o tema para a sala de aula é apresentando exemplos reais, como os que são apresentados no documentário Meninas.

O documentário Meninas, produzido e dirigido por Sandra Werneck, foi filmado entre novembro de 2004 e agosto de 2005, no Rio de Janeiro, e apresenta a história de quatro meninas: Evelin (13 anos), Luana (15 anos), Edilene (14 anos) e Joice (15 anos). Apesar de serem histórias distintas, as meninas apresentam em comum o fato de possuírem baixa renda e terem seus sonhos anulados pela chegada de um filho.

Evelin, a mais nova de todas, está grávida de seu namorado de 22 anos, que acabou de abandonar o tráfico de drogas na favela da Rocinha. Luana mora no Morro dos Macacos com a mãe e quatro irmãs e diz que sua gravidez foi planejada. Edilene e Joice apresentam em comum o fato de estarem grávidas do mesmo homem, um rapaz de 21 anos que trabalha como ajudante de marceneiro. Durante o desenrolar do documentário, é possível observar como a gestação mudou os planos dessas garotas e como afetou suas famílias.

O uso do documentário “Meninas” para abordar a gravidez na adolescência é uma forma de trazer a realidade para a sala de aula e mostrar como a prática sexual desprotegida pode gerar consequências graves. É importante destacar o fato de que as meninas do documentário, assim como a maioria dos adolescentes, possuem informação a respeito dos métodos contraceptivos, mas não conseguem avaliar de maneira clara como a falta de prevenção pode afetar diretamente as suas vidas.

Ficha Técnica

Título – Meninas

Ano – 2005

Duração – 71 minutos

Produção e Direção – Sandra Werneck

Diretora Assistente – Gisela Camara

Roteiro – Bebeto Abrantes

Produção Executiva – Luis Antonio Silveira


Por Ma. Vanessa dos Santos

PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola