Topo
pesquisar

Etnomatemática , abordagem histórico-cultural da matemática

Trabalho Docente

PUBLICIDADE

“A Matemática é o alfabeto com o qual Deus escreveu o Universo” Galileu Galilei .

A etnomatemática é a arte ou técnica (techné = tica) de explicar, de entender, de se desempenhar na realidade (matema), dentro de um contexto cultural próprio (etno). D’Ambrosio
A influência recíproca entre culturas muitas vezes não é relacionada na historiografia da matemática, e por isso tem implicações na educação. O acontecimento das múltiplas culturas , tem influência nos preceitos escolares. Há uma grande tendência em trabalhar com prioridade a matemática da cultura predominante, descuidando do ambiente cultural do aluno.

O Brasil, tem uma múltipla história cultural. A ampla finalidade da Etnomatemática é reconhecer a cultura plural, que é responsável pela constituição do país e elaborar um padrão educacional que responda aos anseios do seu povo. Ela deve estar a serviço da construção da responsabilidade social e da cidadania. A etnomatemática é uma abordagem histórico-cultural da disciplina. A Matemática deve ser compreendida não apenas como uma constituição social mas também como uma construção histórica e política.

A etnomatemática, enaltece a matemática dos distintos grupos culturais e recomenda uma enfatização maior dos conceitos matemáticos informais desenvolvidos pelos educandos através de seus conhecimentos, fora da conjuntura escolar na vivência do seu cotidiano. Os povos com suas diferentes culturas, têm múltiplas maneiras de trabalhar com o conceito matemático. Todos os diferentes grupos sociais produzem conhecimentos matemáticos. A Etnomatemática valoriza estas diferenças e afirma que toda a construção do conhecimento matemático é válida e está intimamente vinculada à tradição, à sociedade e à cultura de cada povo. Devemos lembrar que, a matemática apareceu para suprir as necessidades básicas do homem, através da construção de materiais de pedra, de osso, de barro, de metal, e esse material era utilizado em moradias , vasilhames, utensílios, etc .

A linguagem matemática se vincula com a tradição e a tecnologia dos dias atuais, através de sua operacionalização. Não é exagero dizer que a linguagem matemática se insere nas mais diferentes atividades humanas como por exemplo: nas artes, na música, na arquitetura, na dança, nos esportes, na engenharia, na informática, enfim dentro do contexto da sociedade onde está inserido o indivíduo.

Dentro do contexto social a matemática é uma ferramenta para a tomada de decisões, fornecendo instrumentos para avaliar os resultados das ações implementadas para a resolução escolhida. O conhecimento que é gerado pela matemática em todas as culturas , através de tomada de decisões e de resoluções de problemas, tem uma atitude subordinada ao social e cultural. A história representa de maneira geral a historia dos grupos sociais e a afirmação de identidade desses mesmos grupos, com isso os educadores matemáticos querem simplificar o ensino da matemática, valorizando o seu uso social : a matemática do dia-a-dia. Devemos lembrar que toda a construção teórica da matemática , também nos deu os melhoramentos tecnológicos , que fazem parte do século atual: o telefone celular, a Internet, o laser, as televisões a cabo, etc.

Referenciais: D’Ambrosio e WILMER, Celso.


Autora: Amelia Hamze
Educadora
Profª UNIFEB/CETEC e FISO - Barretos

Trabalho Docente - Educador - Brasil Escola

PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola