Topo
pesquisar

A Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos

Trabalho Docente

PUBLICIDADE

A Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos é sem dúvida a maior entre as mais de 200 (duzentas) festas do peão que acontecem todos os anos nos municípios do interior paulista, sendo decisiva para se diversificar a parte econômica da região de Barretos. A festa do peão é causadora de um grande número de empregos diretos e indiretos, e ao longo do tempo é condição essencial de através da mídia ser fonte geradora de divulgação da representação da cidade .

Foi a partir do acontecimento de Barretos que se começou a determinar de maneira organizada as festas de peão de boiadeiro no Brasil. O rodeio caracteriza-se pela sua união com o personagem do peão, presença autêntica da idéia do rodeio, que sustenta a opinião de cada espectador, com manifestações de ousadia, desenvoltura, sentimento e entusiasmo.

Com a grandiosidade desta tradicional festa do peão e diante dessa configuração histórica do acontecimento de Barretos, a nossa cidade transforma-se em um centro gestor de implicações inovadoras de ações culturais, relacionadas ao lazer em diferentes âmbitos.

Pela grandiosidade desta festa, mundialmente conhecida, nota-se a necessidade de pesquisas relacionadas ao ensino no sentido de vincular estudos na área de planejamento de eventos, com o aproveitamento de considerações de gerenciamento no campo de eventos de lazer e, também aproximar as possíveis áreas de atuação do profissional gestor de planejamento em eventos relacionados a esse grande acontecimento que já é conhecido mundialmente. O Turismo tem-se tornado a principal oportunidade para novos negócios em Barretos. A tradicional Festa de Peão de Boiadeiro, que neste ano realiza sua 50ªedição, atrai visitantes de todo o país e do exterior e se realiza numa arena projetada por Oscar Niemeyer, com capacidade para 35 mil pessoas. A cidade possui estrutura para recepcionar o turista com hotéis e pousadas, além do comércio diversificado. O evento da Festa do Peão acontece de maneira abrangente, mobilizando com sua estrutura as diferentes atividades econômicas regionais e interatuando sobre toda a sociedade.

A Festa do Peão de Boiadeiro de Barretos abre novas perspectivas sociais como resultado do desenvolvimento econômico e cultural da região; integra socialmente e incrementa a consciência econômica e cultural; desenvolve a criatividade em vários campos, promove o desenvolvimento social e econômico da região, preservando o seu patrimônio cultural e natural, respeitando as especificidades culturais e ambientais do local.

O Rancho do Peãozinho, um ponto desenvolvido para as crianças até 12 anos, é um espaço de 30 mil m² onde os visitantes mais jovens podem ver touros, jacarés, cobras, lagartos e algumas aves raras.

A Festa do Peão de Boiadeiro teve início em 1955 e foi o primeiro acontecimento do estilo efetivado na América Latina. Até meados de1960 a festa era realizada em dois dias. Já nessa época o rodeio era a atração principal. Nos anos 1980 a festa se concretizou como o maior acontecimento country do Brasil. Em 2001 foi instituída a Primeira Cooperativa de Trabalho dos Profissionais de Peões de Rodeio. Em abril de 2001 foi instituída a lei 10.220/2001, que considera o peão de rodeio um atleta profissional.

Hoje, a área da festa foi aumentada de 1,3 para mais de dois milhões de metros quadrados. Mais de um milhão de pessoas devem visitar a cidade durante os dias de festa, que este ano poderá entrar para o Guinness Book.
Pesquisas: site dos independentes

Autora: Amelia Hamze
Educadora
Profª UNIFEB/CETEC e FISO - Barretos

Trabalho Docente - Educador - Brasil Escola

PUBLICIDADE
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola