Topo
pesquisar

A Geografia em forma de arte

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE


Obra da artista norte americana Jane Wooster Scoot, na qual retrata um momento de lazer das pessoas.

Existe uma infinidade de trabalhos artísticos que retratam características geográficas do mundo, que podem ser culturais (pontes, ruas, avenidas, prédios, entre outras) ou naturais (rios, lagos, montanhas, vales, florestas, bosques e muitos outros).
Alguns artistas registram em suas obras a convivência social (trabalho, lazer, manifestação cultural etc.), apresentando o cotidiano rural e urbano das pessoas.

O professor de Geografia e o de Educação Artística podem estabelecer uma atividade integrada. Ao professor de Geografia cabe realizar um percurso com os alunos no bairro da escola, de modo que eles possam visualizar o objeto da criação do trabalho artístico. Esse educador deve orientar acerca das várias abordagens que podem ser feitas, tais como as construções em andamento, o comércio, o fluxo de automóveis e de pessoas, igreja, praças e inúmeros outros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Após esse trabalho, cabe ao professor de Educação Artística orientar os alunos acerca das técnicas de pinturas, de modo que consigam inserir as informações colhidas em campo e transferi-las para a tela. Esse tipo de trabalho é descontraído e atrai a atenção dos alunos.

Após a confecção das telas, coloque-as em exposição na sala para que os mesmos consigam identificar o que a figura representa. No final da atividade, explique para os alunos que as paisagens contidas nas telas brevemente serão superadas, pois reformas se concluem, feiras terminam, o fluxo de pessoas aumenta ou diminui, isso acontece porque o meio no qual a sociedade vive é muito dinâmico. Deixando claro que o espaço está em constante transformação.

Por Eduardo de Freitas
Graduado em Geografia
Equipe Brasil Escola

Geografia - Estratégias de Ensino - Brasil Escola

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola