Topo
pesquisar

Construindo um dinamômetro

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE


Dinamômetro

O dinamômetro é um aparelho simples e muito comum nos laboratórios de ensino, cuja função é a de medir a intensidade de forças. Com materiais simples e do cotidiano podemos construir um aparelho similar ao dinamômetro e através dele comparar forças, utilizando para isso a deformação de uma mola. Os materiais usados na confecção desse aparato experimental são:

• Uma régua de trinta centímetros;
• Um barbante;
• Um clipe;
• Pedaços de fita adesiva (pode ser fita crepe);
• Um elástico igual àquele utilizado para prender dinheiro;
• Algumas caixinhas de fósforo com diferentes quantidades de areia, ou seja, com diferentes pesos.

O primeiro passo é amarrar uma ponta do elástico no clipe e a outra extremidade em um barbante. Feito, pegue a fita adesiva e fixe o barbante em uma das extremidades da régua de modo que a ponta do clipe coincida com algum dos traços de centímetro da régua. Com uma caneta “destaca texto” marque esse local. Para evitar que o barbante solte, coloque bastante fita crepe. Agora, pegue as caixas de fósforo e em cada uma delas amarre um barbante, de modo que se forme uma pequena alça, pois será através desta que a caixa será presa ao clipe.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

O experimento está pronto! Pegue uma das caixas com areia, fixe-a no clipe e anote quantos centímetros o elástico deformou, a seguir, repita este mesmo procedimento com todas as outras caixas, uma de cada vez. Depois de realizado toda a parte experimental, é momento de fazer as conclusões. Por meio de perguntas instigue os alunos buscando fazer com que eles formulem hipóteses que expliquem o porquê da diferença da deformação do elástico para diferentes pesos das caixas de fósforo.

Por Marco Aurélio da Silva
Equipe Brasil Escola

Física - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola