Whatsapp

Sentindo a quantidade de movimento

Estratégias de ensino-aprendizagem

A quantidade de movimento de um corpo de massa m e velocidade v é o produto da sua massa pela sua velocidade.
PUBLICIDADE

Se pensarmos um pouco, veremos que em nosso cotidiano seria mais fácil parar uma bola de tênis a 20 km/h do que um automóvel à mesma velocidade. Isso indica que tanto a massa quanto a velocidade são importantes na descrição do movimento e que uma grandeza que se relacione com a massa e a velocidade do objeto caracteriza melhor o movimento do que somente a velocidade. Essa grandeza, que indica quanto de matéria está se movendo e com que velocidade, é a quantidade de movimento.

A demonstração a seguir tem o objetivo de ilustrar o significado da grandeza quantidade de movimento. Para realizar este experimento necessitaremos de uma bola de tênis, uma bola de pingue-pongue e uma bola de futebol ou basquete. É interessante que a atividade seja realizada no primeiro e no segundo andar de sua escola, caso não seja possível, faça o uso de uma escada para ficar a um nível mais alto em relação ao solo.

Como realizar o experimento

Solte da janela do primeiro andar, nesta ordem: a bola de pingue pongue, depois a bola de tênis e a depois a bola de basquete. A pessoa que ficar no térreo tenta segurar cada uma das bolas. Veja o movimento realizado pelas mãos após o impacto de cada uma das bolas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Para segurar as bolas, em qual delas é preciso mais força?

Peça para alguém subir em uma cadeira e em seguida soltar uma bola de cada vez, na mesma ordem. O que muda em relação à situação anterior?

Discuta com seus alunos o que houve de diferente na primeira e segunda situação do experimento. É interessante que o professor aceite todos os argumentos possíveis para posteriormente explicar a correta definição de quantidade de movimento bem como o quanto ela depende da velocidade.

Dica: lembre-se que a velocidade de cada uma das bolas, desprezando a resistência do ar, é dada através da seguinte equação:


v=√(2.g.h)


Por Domiciano Marques
Graduado em Física

Artigos Relacionados
Aprendizagem conceitual, ensino de física, linguagem verbal, linguagem matemática, física, experimentos, força, movimento, calor, temperatura, conceitos, situações físicas.
Física, esportes radicais, transformação de energia, energia cinética, energia potencial, velocidade, resistência do ar, força da gravidade, centro de massa.
Clique aqui e confira algumas dicas de como utilizar o pêndulo de Newton no ensino de Mecânica!
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola