Whatsapp

Cabe mais um?

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE

A concepção que temos sobre soluções saturadas é que, uma vez que a quantidade de soluto é ultrapassada, a solução atinge seu grau de saturação máximo, ou seja, não podemos adicionar mais nenhum grama do soluto ao solvente.

Talvez não seja bem assim. O que vamos verificar com este procedimento prova que é possível uma solução saturada comportar outros solutos. A presente prática é referente ao conteúdo “Solubilidade”.

Material
Água
Sal de cozinha
Álcool etílico
2 recipientes transparentes

Procedimentos

1° passo: prepare uma quantidade de solução saturada de sal de cozinha em água.

Dica: para saber se a solução está saturada, dissolva o sal até que ele comece a se depositar no fundo. Quando não conseguir dissolver mais sal na água, por mais que agite a solução, ela estará saturada.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

2° passo: permita que os cristais de sal se depositem no fundo do recipiente e então transfira a solução, aos poucos, para outro recipiente contendo álcool etílico, conforme mostrado na imagem a seguir:

À medida que for colocando a solução saturada, agite a mistura cuidadosamente. O que você observa?

Resultados

Não importa que a solução esteja saturada com sal, ela comporta outros solutos. O procedimento obedece ao seguinte princípio:

O fato de termos atingido o limite para um determinado soluto não impede que consigamos dissolver outros materiais no mesmo solvente.

 

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Artigos Relacionados
Aprenda a fazer cristais de sulfato de cobre crescer, obtendo cristais grandes e bonitos que você pode usar para decorar ou dar de presente.
Uma forma prática de demonstrar solutos e solventes.
Aprenda a fazer cristais de açúcar no palito que, além de terem um lindo visual, ainda por cima são comestíveis.
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola