Topo
pesquisar

Lavagem de dinheiro: como limpar moedas

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE

Moedas antigas com aparência de novas: saiba como!


Quem não gosta de receber o troco das compras em moedas novinhas? O que ninguém gosta, mas tem que aceitar, é aquele monte de moedas enferrujadas e com aparência envelhecida. Mas por que elas adquirem este aspecto? Tudo começa pela composição das moedas que são obtidas através de ligas metálicas, só por este fato já se nota porque as moedas são mais resistentes do que notas.

As cédulas de dinheiro são feitas com papel especial (papel moeda), que é resistente, mas com o passar de mão em mão ficam velhas e se rasgam. A umidade presente em nossas mãos é que realiza o estrago, e as moedas não escapam: elas ficam escurecidas devido à oxidação.

As moedas constituem um dinheiro muito manuseado, sendo assim, fica inevitável que entre em contato com a umidade e exposição ao oxigênio: fatores necessários para que ocorra a reação de oxidação. Mas saiba agora que existe um truque para deixar suas moedinhas novinhas em folha!

O que vamos demonstrar a seguir pode ser usado em sala de aula como um experimento de Química.

Reações de oxidação em moedas:

Vamos usar como exemplo a moeda de 5 centavos, pois é uma das mais manuseadas. Portanto, peça a seus alunos que tragam moedas envelhecidas neste valor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Você sabe de que esta moeda é feita? É composta de Aço e recoberta com Cobre, e à medida que vai sendo usada vai se formando uma camada de óxido de cobre sobre ela. Veja a equação do processo:

2 Cu + ½ O2 Cu2O

O metal Cobre presente na moeda é oxidado e forma o monóxido de Dicobre (Cu2O), o qual tem coloração escura, daí o porquê daquela cor horrível. O segredo para que as moedas tornem a ficar como eram antes (brilhantes e avermelhadas), é deixá-las de molho em ácido clorídrico. Equação que representa a lavagem:

Cu2O + 2 HCl Cu2Cl2 + H2O

Como se vê na equação acima, o óxido reage com ácido clorídrico (HCl) e dá origem a um sal de cobre (Cu2Cl2), esta reação permite à moeda adquirir aparência de nova.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais! Restaurando objetos de prata
 

John Frederic Daniell (1790-1845), criador da pilha de Daniell
Estratégias de ensino-aprendizagem Uma pilha parecida com a pilha de Daniell
Aprenda a fazer pilhas caseiras de limão, laranja, tomate, batata e refrigerante
Estratégias de ensino-aprendizagem Pilhas caseiras
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola