Whatsapp

Analisando hemogramas

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE


Hemogramas são requeridos para analisar se existem variações
quantitativas ou morfológicas nas células sanguíneas do paciente.

A Biologia, por se tratar de uma ciência que aborda o estudo e a compreensão da vida, se faz muito abrangente. Assim, não é raro que alunos de professores de Ciências e Biologia recorram a estes profissionais para se informarem, dentre outras temáticas, sobre aquelas relacionadas ao diagnóstico e tratamento de doenças.

Considerando tal fato, este texto propõe a análise de hemogramas pelos alunos do Ensino Médio, dando a eles uma noção geral acerca da disposição das informações contidas neste tipo de exame.

Esta atividade deverá ser feita ao encerrar o tema “células sanguíneas”, para que possa ser relacionado o conteúdo estudado às informações presentes neste material.

Apresentando, em slides ou transparências, cada uma das células sanguíneas analisadas nos hemogramas, o professor deverá reforçar a função de cada uma delas e pontuar:

- O que são hemogramas;

- Para que os hemogramas são requeridos;

- Processo que ocorre a partir da coleta do material até a entrega dos exames;

- O porquê de se jejuar antes de fazer alguns tipos de exames;

- Valores de referência: o que são, o que significam e por que há diferenças entre o de mulheres e de homens;

- Termos utilizados para se referir ao aumento ou diminuição do número total das células (ex: leucocitose e leucopenia);

- Possíveis causas relacionadas a baixas e altas concentrações de cada tipo de célula sanguínea, frisando que nem sempre valores altos (ou baixos) de determinada célula indica um problema de saúde propriamente dito;

- Importância do retorno médico.

Pode ser interessante que seus alunos sejam divididos em pequenos grupos, cada um com pelo menos um destes exames, para que compreendam de forma clara o que está sendo exposto.

Sugestão: o mesmo princípio pode ser aplicado em outras aulas, como de Bioquímica, ao estudar os lipídios (lipidograma), carboidratos (glicemia de jejum), dentre outros.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Equipe Brasil Escola

Biologia - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola