Topo
pesquisar

Aulas de Biologia para deficientes visuais

Estratégias de ensino-aprendizagem

Ministrar aulas de Biologia para deficientes visuais nem sempre é uma tarefa fácil, cabendo ao professor a criação de metodologias que auxiliem no aprendizado desses alunos.
PUBLICIDADE

Ao ensinar Biologia, deparamo-nos com processos complexos, estruturas microscópicas, formas e cores maravilhosas que aguçam bastante nossos sentidos. Muitas pessoas poderiam pensar que, em razão dessas características, seria impossível ensinar biologia de forma adequada para deficientes visuais. Isso, no entanto, é uma ideia equivocada!

É fundamental primeiramente que o professor faça uso de uma variedade de recursos durante as aulas para que o aprendizado seja satisfatório e possibilite a aquisição do conhecimento. O que antes deveria ser analisado de uma maneira visual deve ser apresentado para o deficiente visual de uma maneira que estimule outros sentidos. A criação de modelos em 3D, ricos em textura, por exemplo, é uma grande ajuda no processo de ensino para alunos de inclusão com cegueira e baixa visão.

O trabalho de Vaz et al., publicado na Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, intitulado Material Didático para Ensino de Biologia: Possibilidade de Inclusão, traz uma interessante metodologia para o ensino dos mecanismos de tradução, célula eucariótica e núcleo celular para alunos cegos. Nesse trabalho, os autores elaboraram um modelo de tradução com MDF e outros materiais, como isopor, lixas e velcro. Também montaram um modelo de célula eucariótica com madeira e um núcleo celular de isopor.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Todos os três materiais foram analisados por professores e alunos que apresentavam ou não deficiência visual. Todos os alunos e professores com problemas de visão concluíram que os materiais criados foram excelentes métodos para facilitar o aprendizado, demonstrando, assim, a importância da criação de materiais adaptados às mais variadas necessidades.

É fundamental que os professores, não apenas de Biologia, mas de todas as disciplinas, preocupem-se mais com os alunos de inclusão, sempre proporcionando formas diferentes para que ocorra o aprendizado, estimulando-os e desenvolvendo suas capacidades. A criação de recursos didáticos, portanto, é essencial para o sucesso da educação inclusiva.

Para conhecer o trabalho e as formas como os materiais didáticos foram criados, acesse aqui o estudo!


Por Ma. Vanessa dos Santos

Os alunos com deficiência visual nem sempre acompanham de forma satisfatória as aulas de Biologia, necessitando de recursos diferenciados
Os alunos com deficiência visual nem sempre acompanham de forma satisfatória as aulas de Biologia, necessitando de recursos diferenciados
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola