Whatsapp

Introduzindo os números decimais com a unidade monetária

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE

É fato que a matemática precisa ser significativa e prazerosa para o aluno. Quando utilizamos situações da realidade do educando, percebemos que a aprendizagem de conceitos e a posterior abstração dos mesmos tornam-se mais fácil. É preciso criar estratégias de ensino para introduzir determinados conteúdos matemáticos de maneira significativa a fim de que o aluno perceba o papel da matemática na sociedade em que está inserido e que, com posse desse conhecimento, seja capaz de modificar a realidade que o cerca. Despertar o interesse pela matemática é o desafio a ser vencido por todos os professores. Não é uma tarefa fácil, mas com atitude simples podemos mudar a visão de que a matemática é para poucos que se familiarizam com ciências exatas.

Pensando dessa forma, ao introduzir o conceito de números decimais, já no 5º ano do ensino fundamental, podemos utilizar a unidade monetária como elo entre a realidade do aluno e os conceitos matemáticos. Percebemos diariamente que ao lidar com dinheiro, alunos e a sociedade em geral, esses apresentam certa facilidade para realizar as operações fundamentais.
Os alunos conseguem dividir em partes iguais uma quantia em dinheiro, aumentar o montante que já possui, subtrair e multiplicar valores. Alguns são capazes de fazer cálculos e estimativas mentalmente. Isso porque é uma situação vivenciada no seu cotidiano, e é preciso valorizar o conhecimento prévio adquirido pelo aluno fora do ambiente escolar.

O que pode ser feito:
Primeiro, faça a apresentação da unidade monetária brasileira: O real é a unidade monetária brasileira (R$ 1,00).
Em seguida, introduza o conceito de centavos: Cada centésimo de real é chamado de centavos de real.


É importante, também, trabalhar a leitura desses números, para que o aluno se familiarize.

Faça questionamentos que induzam os alunos a somar e subtrair números decimais de forma intuitiva como: “Quantos centavos preciso juntar para ter 1 real?”. Sugira situações que envolvam quantidades inteiras e fracionárias: “Com uma nota de 10 reais mais uma moeda de 25 centavos, quanto terei?”. “Como escrevo essa quantia usando algarismos e por extenso?”.

Utilize inúmeras situações diárias para trabalhar e fixar esses conceitos e, posteriormente, explore situações mais complexas, mostrando que os números decimais estão por toda parte, nas medidas de comprimento, na temperatura, nas notas das avaliações etc.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Por Marcelo Rigonatto
Especialista em Estatística e Modelagem Matemática
Equipe Brasil Escola

Matemática - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola