Topo
pesquisar

Sentindo a diferença de temperatura

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE


Os esquimós sentem frio em suas casas de gelo?

Material:

- 3 recipientes;
- Água fria, água morna e água quente.

Procedimento:

1- Encha os três recipientes: um com água fria, outro com água morna e outro com água quente (não demasiado para não queimar);

2 - Coloque uma mão na água fria e outra mão na água quente. Aguarde uns instantes, cerca de 1 minuto. A seguir coloque ambas as mãos na bacia com água morna. Qual a sensação?

Afinal, as mãos estão mergulhadas no mesmo recipiente, portanto a água está à mesma temperatura, mas o que se sente não é igual em ambas as mãos, uma parece estar mais fria que a outra.

Este fato pode ser explicado pela capacidade que nosso corpo tem de sentir a temperatura. Quando os nossos sentidos captam alguma coisa, o nosso cérebro adapta-se a essa situação. Sendo assim, quando tocamos em alguma coisa quente e depois noutra fria, o objeto frio vai parecer mais frio em relação à sua temperatura real.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Situação parecida acontece quando estamos em um ambiente quente e depois passamos para um frio, o nosso corpo sente muito mais o abaixamento de temperatura. Daí se explica por que os esquimós conseguem sobreviver em lugares tão gelados como os pólos, o organismo já está acostumado com aquele ambiente. Agora imaginem um esquimó em Cuiabá? Sentiria um calor insuportável!

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola

Veja mais!

Olhar atento à temperatura

Química - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola

Assista às nossas videoaulas
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola