Papel indicador

Estratégias de ensino-aprendizagem

PUBLICIDADE

Sabia que você pode preparar seu próprio papel indicador?
O papel indicador é também conhecido como indicador universal de pH, pois apresenta uma determinada cor em meio ácido, e outra em meio básico.

O que vamos propor aqui é uma estratégia de ensino para os conteúdos ácidos e bases. Para uma melhor abordagem deste contexto, é essencial que o professor leve a opção de se obter o próprio papel indicador. Desta forma, o educador terá a oportunidade de melhorar o conteúdo, uma vez que seus alunos irão se interessar mais se forem os próprios fabricantes do produto (neste caso, o papel indicador).

Material

Suco de repolho roxo preparado em “Faça seu próprio indicador” 
Papel filtro
Recipiente raso (prato ou vidro relógio)
Folhas de jornal (superfície absorvente)

Procedimentos

  1. Coloque o suco de repolho no recipiente e deposite o papel filtro;
  2. O papel filtro irá absorver o suco e ficará encharcado. Retire-o do suco e coloque-o sobre folhas de jornal para que fique mais sequinho;
  3. Após secar, o papel estará pronto;
  4. Corte o papel indicador em tiras.

Agora é hora de testar seu papel, para isso, iremos utilizar soluções ácidas e básicas.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Soluções ácidas:
Suco de laranja
Refrigerante incolor de limão
Vinagre incolor

Soluções básicas:
Detergente em pó (dissolvido em água)
Leite de magnésia
Sabonete úmido


Papel indicador no teste de acidez

O suco de repolho possui cor roxa, então, quando o aplicamos no papel, ele também adquire esta cor. A coloração se mantém fixa nas fibras de celulose do papel e apresentam a propriedade indicadora ácido-base.

Mergulhe a ponta do papel em cada solução ácida e básica. O que acontece?

Ao testar o papel em ácidos e bases ele muda de cor, dependendo do meio, conforme a prática “Faça seu próprio indicador”.

Por Líria Alves
Graduada em Química
Equipe Brasil Escola    
 

Química - Estratégias de Ensino - Educador - Brasil Escola
 

Artigos Relacionados
Esse experimento consiste na determinação da acidez de uma amostra de suco de limão ou de laranja, que pode ser usada para explicar o conteúdo de Titulação ácido-base.
Nesse experimento é possível verificar como o ferro presente em uma esponja de aço interage com o ácido cítrico do refrigerante de limão e do próprio suco de limão.
Por meio desse experimento você poderá demonstrar para seus alunos como ocorre o fenômeno da chuva ácida.
Aprenda a fazer uma mensagem secreta que apenas quem souber a explicação química para esse processo poderá descobrir o que está escrito.
Aqui você encontrará uma aula experimental sobre indicador ácido-base que possibilita a visualização da ação da fenolftaleína e o deslocamento do equilíbrio químico.
Veja aqui uma proposta de experimento que pode ser realizada em uma aula de Química como demonstração dos efeitos da chuva ácida.
Conheça uma proposta com métodos práticos para ensinar a identificação de ácidos e bases em sala de aula.
Conheça uma estratégia simples para trabalhar a temática dos indicadores ácido-base em sala de aula e aumentar os conhecimentos químicos dos alunos.