Topo
pesquisar

Aula prática sobre Propriedade e Cinética Química: Queima do Açúcar

Estratégias de ensino-aprendizagem

Propomos aqui uma aula prática que explora a propriedade e a cinética química por meio da reação de queima do açúcar.
PUBLICIDADE

Enquanto educadores na área de Química, temos a consciência da importância de nossos alunos conhecerem a propriedade química (fenômenos químicos) e os assuntos cinéticos químicos. Esses conhecimentos são importantes porque com frequência as pessoas presenciam ou manipulam fenômenos químicos no dia a dia.

Os fenômenos químicos referem-se às transformações químicas (modificação na composição) que a matéria pode sofrer. Já a Cinética Química estuda os fatores que influenciam a velocidade dessas transformações.

Pensando na importância dessas duas áreas, propomos uma aula teórico-experimental que trata de ambas, explorando-as com a temática “A queima (combustão) do açúcar”. Para que uma queima aconteça, são necessários:

- um combustível (açúcar);

- um comburente (gás oxigênio);

- energia de ativação (faísca, por exemplo).

O açúcar (sacarose) pode ser utilizado como combustível em uma combustão pelo fato de ser orgânico (presença de átomos de carbono e hidrogênio em sua estrutura), já que todo composto orgânico sofre combustão. A seguir temos a estrutura de uma molécula de açúcar:

Fórmula estrutural do açúcar (sacarose)
Fórmula estrutural do açúcar (sacarose)

Confira o passo a passo de nossa sugestão de aula prática sobre Propriedade e Cinética Química por meio da Queima do Açúcar:

a) Materiais necessários:

- Isqueiro ou caixa com palitos de fósforo;

- Açúcar comum (sacarose) em formato de cubos;

- 1 folha de papel inteira;

- Pedaços de papel;

- Sulfato de cobre II (CuSO4);

- Sulfato de níquel II NiSO4;

- Sulfato de ferro III [Fe2(SO4)3];

- Cloreto de sódio (NaCl);

- Duas pinças de madeira (não usar plástico para evitar acidentes com o fogo);

- Uma placa qualquer para servir de apoio.

O sal Sulfato de cobre II
O sal Sulfato de cobre II

b) Objetivos específicos

- Avaliar a condição para ocorrência de uma combustão;

- Analisar o comportamento de materiais durante uma combustão;

- Estudar a velocidade do fenômeno químico que envolve a combustão do açúcar;

- Verificar a relevância de utilizar um catalisador (substância que diminui a energia de ativação e, consequentemente, aumenta a velocidade de um fenômeno químico) durante a combustão.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

- Presenciar a transformação de um material em outro durante uma combustão, o que representa um fenômeno químico.

c) Procedimento experimental

1º) Queima do cubo de açúcar

- Pegar um cubo de açúcar com a pinça, segurá-lo sobre a placa e queimá-lo com o isqueiro ou os palitos de fósforo.

2º) Combustão do papel

- Colocar pedaços de papel sobre a placa e queimar os papéis utilizando o isqueiro ou os palitos de fósforo.

Para efeito de comparação, queime em seguida uma folha de papel inteira.

3º) Associar o cubo de açúcar às cinzas

- Pegar um cubo de açúcar com a pinça, passar o cubo sobre as cinzas de papel e atear fogo no cubo com cinzas utilizando o isqueiro ou os palitos de fósforo.

4º) Associar um cubo de açúcar a um sal

- Colocar um pouco de um sal sobre a placa;

- Pegar um cubo de açúcar com a pinça;

- Passar o cubo no sal;

- Atear fogo no cubo com sal utilizando o isqueiro ou os palitos de fósforo.

Repita o procedimento acima com cada um dos outros sais de forma individualpedindo aos alunos que anotem as observações e, se possível, marcando o tempo em cada um dos procedimentos. Com isso, a discussão ao final será bem mais rica e detalhada.

d) Resultados

Ao final dos procedimentos realizados com os alunos, é interessante discutir com eles as observações realizadas durante o experimento, dando ênfase a alguns pontos principais:

- O calor por si só apenas derrete o açúcar, não promovendo a combustão dele;

- A superfície de contato influencia a velocidade de uma reação;

- Na presença de cinzas, o açúcar entra em combustão;

- A combustão do papel produz as cinzas, que são os sais minerais que não queimam;

- Os sais com metais são os catalisadores da reação de combustão do açúcar.


Por Me. Diogo Lopes Dias

Na nossa proposta experimental, é possível utilizar açúcar (sacarose) em forma de cubos ou mesmo em grânulos
Na nossa proposta experimental, é possível utilizar açúcar (sacarose) em forma de cubos ou mesmo em grânulos
Quais fatores aceleram uma reação?
Estratégias de ensino-aprendizagem Cinética Química
Desenho muito utilizado para representar o modelo atômico de Bohr
Estratégias de ensino-aprendizagem Aula sobre o modelo atômico de Bohr de forma prática
Cozinhar feijão: processo químico ou físico?
Estratégias de ensino-aprendizagem Fenômenos físicos e químicos
  • SIGA O BRASIL ESCOLA
Educador Brasil Escola