Whatsapp

Como utilizar o jogo Pokémon GO nas aulas de Biologia

Estratégias de ensino-aprendizagem

O uso do jogo Pokémon GO nas aulas de Biologia pode auxiliar no ensino a respeito dos seres vivos e sua classificação, além de estimular os alunos na socialização.
O Pokémon GO é um dos jogos de maior sucesso da atualidade *
O Pokémon GO é um dos jogos de maior sucesso da atualidade *
PUBLICIDADE

Em sala de aula, frequentemente somos surpreendidos pela falta de interesse por parte de nossos alunos. Diante disso, é fundamental criar técnicas para estimular o aprendizado e fazer com que os alunos consigam trazer o conteúdo para a sua realidade.

Assim sendo, os professores devem estar atentos às novidades que os cercam. O mundo atual oferece uma gama de diferentes recursos e cabe a nós, professores, saber utilizá-los de maneira correta. Um desses recursos são os jogos eletrônicos, que podem ser usados a nosso favor.

Pokémon GO

O jogo Pokémon GO, sem dúvidas, é um dos mais comentados da atualidade. Lançado no Brasil no dia 03 de agosto de 2016, o aplicativo para smartphones tornou-se rapidamente um dos mais baixados.

O jogo destaca-se pelo uso da realidade aumentada, que faz com que o jogador tenha uma grande interação com o jogo. Ele se baseia no mesmo princípio de outros jogos da série: o jogador deve procurar, capturar e realizar o treinamento de seus pokémons. Isso não pode ser feito, no entanto, no aconchego de sua residência: o jogador deve caminhar pela cidade em busca de seus pokémons. Para isso, o jogo utiliza a função GPS do smartphone.

Como o jogo Pokémon GO pode ser relacionado com a Biologia?

Os pokémons, apesar de serem criaturas que não obedecem às características dos animais reais, possuem algumas semelhanças com os seres vivos do nosso planeta. O pokémon denominado de Pidgey, por exemplo, foi claramente criado pensando-se nas aves atuais. É possível ver semelhança, inclusive, com o pássaro denominado de picoteiro-americano.

O pokémon Pidgey assemelha-se a uma ave **
O pokémon Pidgey assemelha-se a uma ave **

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

A semelhança encontrada no Pidgey não é um caso isolado, sendo possível encontrar diversos pokémons com semelhanças com outros organismos. O pokémon Sandshrew, por exemplo, assemelha-se ao pangolim; o Vileplume assemelha-se com a planta conhecida como raflésia-monstro. O Wooper, por sua vez, assemelha-se ao axolotle, e o Caterpie é muito semelhante à lagarta Spicebush Swallowtail.

Nem todos os pokémons, entretanto, podem ser comparados com os organismos viventes. Todavia, podemos separar suas características para quem sabe classificá-los em algum grupo de seres vivos.

Que aula posso realizar utilizando o Pokémon GO?

Para realizar uma aula a partir do aplicativo, deve-se estabelecer um objetivo. Ao tratar de vertebrados, por exemplo, podemos propor uma atividade para capturar pokémons com características de peixes, anfíbios, répteis, aves e mamíferos. O professor pode pedir que os alunos realizem a atividade em casa ou propor um dia de caçada pokémon em um lugar seguro.

Após a caçada ou captura individual dos pokémons, separam-se as fotos, que podem ser retiradas no próprio aplicativo, e realiza-se a classificação com base nas características estudadas em sala. Após a classificação, pode ser feito um grande cartaz mostrando-se as características que influenciaram a classificação.

Com essa aula, você poderá mostrar aos seus alunos que a Biologia está presente em diversos lugares e que a diversão e o aprendizado podem, sim, andar juntos.

* Créditos da imagem: Matthew Corley / Shutterstock.com

** Crédito da imagem: enchanted_fairy / Shutterstock.com


Por Ma. Vanessa dos Santos

Artigos Relacionados
Entenda a importância e conheça exemplos de aulas lúdicas para o ensino de Biologia e Ciências.
Aprenda uma nova maneira de ensinar conceitos celulares aos seus alunos com o jogo das células-tronco!
Conheça o jogo de mímicas para ensinar biologia e deixe suas aulas mais divertidas.
Conheça aqui uma ideia diferente de jogo de perguntas e respostas para a aula de Biologia!
Jogo do Sistema Digestório: Uma maneira divertida de aprender mais sobre os órgãos do sistema digestório.
Conheça alguns materiais virtuais de apoio ao professor de biologia clicando aqui!
Philip Ferreira, biólogo e professor de Ciências de turmas do Ensino Fundamental do Distrito Federal, faz desenhos para ensinar o conteúdo aos alunos
  • Facebook Brasil Escola
  • Instagram Brasil Escola
  • Twitter Brasil Escola
  • Youtube Brasil Escola
  • RSS Brasil Escola